Posts do momento

Paulo Morais ARRASA Grupo Espírito Santo

7 7


GRUPO ESPÍRITO SANTO esteve sempre ligado a negócios perseguidos pela Justiça.

Surgiu envolvido no negócio corrupto de aquisição de submarinos aos alemães, foi fundamental na operação Furacão, ainda responsável pelo abate ilegal de sobreiros que permitiu o negócio imobiliário da “Vargem Fresca”.

Na recente privatização da EDP, traficou influências a favor dos chineses, que assessorou no processo.

Também além-fronteiras o BES estende os seus tentáculos. Foi o banco principal no processo Mensalão, caso de podridão política no Brasil.

Está na mira das autoridades espanholas, acusado de ocultar informação relevante.

Os seus negócios multimilionários com o fundo de petróleo de Angola são investigados.

Com tantos negócios escuros (por natureza os mais rentáveis), torna-se incompreensível que o GES tenha dificuldades. Das duas, uma: ou há de facto problemas graves e tal é sintoma duma gestão suicida; ou não há, e estão a mentir-nos, para justificarem o esbulho de mais recursos aos contribuintes.

Paulo Morais

Partilhe este artigo

Post Anterior
Prev Post
Próximo Post
Next Post
comentários blogger
comentários facebook

7 comentários blogger

  1. O Paulo Morais esqueceu-se dos negócios na Argentina... e julgo que sem precisar de muita imaginação poderíamos acrescentar o de lavandaria de dinheiro da droga.
    O Ricardo ES aproveitou vários perdões fiscais para pôr as contas em dia. Por mais do que uma vez esqueceu-se de incluir na declaração de rendimentos, não foram uns milhões ! foram uns cabazes de milhões !!!! de euros. Isto ao mesmo tempo em que os negócios que ele ia «gerindo» iam ao fundo.
    Nos EUA o Madoff foi agarrado e julgado num par de meses. Ficou sem cheta. A mulher saiu de casa com a roupinha que tinha no pelo e uma malinha de mão - depois da polícia ter confirmado o que é que estava lá dentro. E aqui como é que vai ser?
    JM

    ResponderEliminar
  2. Aqui não acontece nada vai para casa mais o primo,sobrinhos,cão,gato gozar da reforma choruda fala-se em 900 m euros.O sr PAULO MORAIS anda a pregar no deserto,porque se houvesse justiça os casos que tem denunciado tinham sido investigados e nunca vi desmentidos aos casos que denuncia,pessoas sérias como ele é que o pais precisava só que estão em vias de extinção

    ResponderEliminar
  3. A justiça não investiga porque não cadeias suficientes para meter os corruptos deste país. Está no sangue a corrupção geral.

    ResponderEliminar
  4. Só por isso os ES deveriam ser fuzilados, cortados em fatias e dados de comer aos porcos... Esses e mais uns milhares de politicos, advogados e gestores de empresas que mais não fazem é empobrecer estes país!

    ResponderEliminar
  5. ingrato, a família espírito santo é tão amiga dos pobres... só rouba para ajudar os pobrezinhos da comporta...

    ResponderEliminar
  6. Caro Dr.Paulo Morais ...
    Só palavras e acção zero, não basta denunciar é preciso apresentar queixa nem que seja em tribunal internacional, agora ficar só pela denúncia, isso é como assistir a um crime e nada fazer.
    PB

    ResponderEliminar
  7. Há uns anos ORicardo dizia," Afamilia Espirito Santo tem uma ética "irreprochable" Uma ética que a´te permitia que u m primo direito(de outro ramo)não pagasse nem pague a pensao~~ de alimentos aos filhos que passaram por grandes dificuldades.O Ricardo e muitos outros da familia tinham conhecimento

    ResponderEliminar