Posts do momento

"Atrevidote e Macho" o marido da ministra das finanças

8 8

O marido da ministra das Finanças foi alvo de uma queixa no Ministério Público por ameaças e pressões a um jornalista do Diário Económico.

Numa troca de sms de 22 de Setembro a que o i teve acesso, António Albuquerque reagiu a um artigo de opinião de Filipe Alves (em que questiona as eventuais consequências para os contribuintes da venda do NB), dizendo que o jornalista é "um ser sem coluna" e "um calhau".

A conversa acabou por assumir um tom mais grave e António Albuquerque, ex-editor executivo daquele jornal, chegou mesmo a fazer algumas ameaças:

"Tira a minha mulher da equação se não vou-te aos cornos" 
ou "Não sabes quem é que eu sou. Metes a minha mulher ao barulho e podes ter a certeza que vais parar ao hospital".  ou "Estou cheio de medo. Reafirmo, tu e o teu director [António Costa] são uns fdp [filhos da p***]."

* * *

ACTUALIZAÇÃO 16-Julho-2015

Marido da ministra das Finanças acusado de cinco crimes.
António Albuquerque enviou várias mensagens com ameaças físicas a um jornalista do “Diário Económico” que escreveu sobre Maria Luís Albuquerque. MP acusa-o de cinco crimes de difamação, injúria e coação.

"Para mim, Justiça era ele pedir desculpa", argumenta Filipe Alves, que depois de ter recebido as mensagens no telefone escreveu uma carta ao ex-colega do "Diário Económico" a exigir um pedido de desculpa. António Albuquerque falou aos jornais, admitiu ter "um problema pessoal" com Filipe Alves e recusou pedir desculpas "a supostos jornalistas".

Filipe Alves diz "não" ter tido "outra alternativa" senão apresentar queixa no Ministério Público. Contactado pelo Expresso, António Albuquerque recusou fazer quaisquer comentários e remeteu explicações para a advogada Carla Ferreira, que não atendeu o telefone do escritório.
expresso

Partilhe este artigo

Post Anterior
Prev Post
Próximo Post
Next Post
8 Comentários Blogger
Comentários Facebook

8 comentários blogger

  1. Quando e onde quiseres!... Estás completamente à vontade.

    ResponderEliminar
  2. VAMOS LÁ! ADORO UM BOM COMBATE, MAS SÓ ACEITO SE FOR ATÉ À MORTE, OK?

    ResponderEliminar
  3. Gente os heróis acovardaram se desde k se descobriu a pólvora.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nada como uma arma, para motivar o oponente a legalmente eliminar o que por ter uma arma se julgava invencível.

      Eliminar
  4. Esta familia Albuquerque,pensam que sao donos desta quinta chamada Portugal,so com um tiro now cornos,em cada um deles

    ResponderEliminar
  5. Quando o vir outra vez na rua eu falo com ele. Portugal é pequeno. Muito pequeno.

    ResponderEliminar
  6. Para ti valentao
    Neste lugar solitario onde a vergonha se acaba(nao tens nenhuma
    Todo o covarde faz forca(tu)
    Todo o valente se caga(passa a usar fraldas)

    ResponderEliminar