Posts do momento

Porto Editora e Lena tentam calar Paulo Morais

0 0


O "Expresso" dá conta de vários processos que alguns "poderosos" moveram em Tribunal contra mim. Estes processos constituem-se como tentativas de censura inaceitáveis. Fique claro: continuarei, sempre, a apresentar todos os factos de mau uso, desperdício e corrupção com dinheiros públicos; e continuarei a emitir a minha opinião sobre estes factos no uso do direito constitucional de liberdade de expressão.

Paulo Morais


Porto Editora e Lena contra Paulo Morais.

Já perdi a conta aos processos que me levantaram“, diz Paulo Morais ao Expresso. Mas lembra-se dos últimos que lhe chegaram à caixa de correio. Dois da Porto Editora, pedindo uma indemnização cível de cem mil euros por danos reputacionais e um processo-crime por difamação, movido pela mesma editora livreira. Há ainda outro processo movido pelo Grupo Lena e um segundo processo-crime aberto pela sociedade de advogados de Sérvulo Correia e Associados que, no ano passado, perdeu o recurso judicial contra o ex-candidato a Belém. Todos se queixam de terem sido difamados pelo professor universitário, em artigos de opinião publicados nos jornais ou em declarações públicas. “É uma tentativa de me calarem”, diz Paulo Morais.
veja: «Há editoras que controlam os governantes» acusou Paulo Morais

Partilhe este artigo

Post Anterior
Prev Post
Próximo Post
Next Post
0 Comentários Blogger
Comentários Facebook

0 comentários blogger

Enviar um comentário