«Marcelo tem de explicar aos portugueses se tinha conhecimento destas actividades» - Portugal Glorioso

«Marcelo tem de explicar aos portugueses se tinha conhecimento destas actividades»

coment
 ●
RICARDO SALGADO, amigo íntimo do PRESIDENTE DA REPÚBLICA, visita de casa, companheiro de viagens e festas, foi acusado da prática de 21 (vinte e um) crimes (um de corrupção activa de titular de cargo político, dois de corrupção activa, nove de branqueamento de capitais, três de abuso de confiança, três de falsificação de documento três de fraude fiscal qualificada).

Marcelo Rebelo de Sousa tem de explicar aos portugueses se tinha conhecimento destas actividades, uma vez que privava tão proximamente com Salgado; se continua a confiar no seu amigo íntimo ou se o renega. Marcelo Rebelo de Sousa, que tudo comenta, não pode deixar de comentar esta situação (um amigo próximo acusado de corrupção), por muito que ela lhe desagrade.

Paulo de Morais




Actualização: 23-01-2018
RICARDO SALGADO foi acusado da prática de 21 crimes... Mas, até hoje, ninguém lhe toca. Continua a viver tranquilamente na sua mansão, mantém, no essencial, a sua fortuna multimilionária. Não devolveu (porque ninguém lho pediu) tudo aquilo que retirou à sociedade e ao povo. Para garantir a sua imunidade (e impunidade), fez agora publicar no Expresso um pequeno extracto da lista de pagamentos do Saco Azul do GES: prémios e subornos a gestores, políticos e jornalistas. Mas avisou que o melhor (os avençados mais VIP) ainda estão por anunciar.

Como Salgado é amigo íntimo, visita de casa, companheiro de viagens e festas do PRESIDENTE DA REPÚBLICA; porque é patrocinador de muitos políticos (de vários partidos); porque é credor de favores de muitos poderosos; porque tem por advogado o traficante de influências Proença de Carvalho - Ricardo Salgado continuará a gozar de im(p)unidade.

Não sou responsável pelo comportamento dos meus amigos. Mas sou responsável por mim, pelas escolhas que faço para amigos; e não escolho para amigos aqueles que não têm comportamento compatível com a minha amizade.

Paulo de Morais

Partilhe este artigo

Anterior
Prev Post
Seguinte
Next Post
Comentários