«Parabéns à Ana Leal, caso raríssimo de jornalismo de investigação» Paulo Morais - Portugal Glorioso

«Parabéns à Ana Leal, caso raríssimo de jornalismo de investigação» Paulo Morais

0 0  ● API
O desvio de fundos dos fins a que se destinam por parte de alguns dirigentes de IPSS's não é uma situação raríssima, nem sequer rara. Já Raríssimos são os jornalistas que as revelam; e Raríssimo é o órgão de comunicação português que desempenha o seu papel social de denúncia.

Parabéns pois à Ana Leal, caso raríssimo de jornalismo de investigação.

Paulo de Morais



Marcelo Rebelo de Sousa reagiu à reportagem da TVI, que denuncia irregularidades e desvios de fundos públicos na Raríssimas - diz que "importa apurar o que se passa".

Sobre aquilo que a presidente da instituição, Paula Brito e Costa, disse sobre o Presidente da República e que aparece na reportagem - que tem "vulgarizado a sua posição" com excesso de selfies -, Marcelo comentou as declarações daquela responsável desta forma:
"Não interessa se as pessoas gostam mais ou menos de mim. Não é isso, como é evidente, que é influente. O que é influente é apurar-se o que se passou e depois verificar se foi respeitada a lei ou não". TVI24

Partilhe este artigo

Post Anterior
Prev Post
Post Seguinte
Next Post
Comentários
0 Comentários

0 comentários blogger

Enviar um comentário