Posts do momento

Carta aberta a Poiares Maduro - Coronel Paulo Banazol

57 57

...
Srº Ministro Poiares Maduro,

Deixe que me identifique – Paulo M M de Athayde Banazol – contribuínte 131295420 – com todos os impostos pagos ao Estado.

Ouvi a sua intervenção acerca da “inevitabilidade” de cortar pensões e outras prestações sociais. A ser verdade – espero que não ! – Deixe-me arrolar algumas áreas – garantidamente do seu conhecimento – aonde o Governo pode “inevitavelmente” cortar:

Deputados – são 330 no Continente e Ilhas, com vencimentos (3.624,41 €/mês), despesas representação (370,32€), prémios de presença no Plenário (69,19€), deslocações (0,36 €/Km) deslocações em “Trabalho Político” (se é que se sabe o que isto é !)

Território Nacional (376,32€), Europa (450,95€) fora da Europa (1.074,80€), deslocações em representação da AR – nacional (69,19€/dia), estrangeiro (133,66€/ dia) e as regalias / mordomias de todos conhecidas e que, se perguntar aos portugueses, todos classificam de escandalosas, absolutamente fora de contexto e imerecidas.

Alguém viu ou ouviu falar da “inevitabilidade de cortes” no número, remunerações e mordomias destas senhoras e senhores? Porque não pagam os deputados as refeições ao preço do comum dos portugueses, menos do nosso bolso, menos dos impostos dos portugueses! Não me fale em demagogia, o exemplo TEM que vir de cima!

Presidente da AR que se reformou com 12 (DOZE !) anos de actividade com uma pensão de 7 mil e muitos Euros, aqui não se põe a “inevitabilidade de cortes”?

Mordomias com Assessores e Secretárias, subvenções vitalícias a políticos e Deputados, custos com a Presidência da República, que por sinal gasta mais do que a Casa Real Espanhola!

Centenas de Juntas de Freguesia e dezenas de Câmaras Municipais, vereadores, assessores, “especialistas” e comissões, aonde está a “inevitabilidade dos cortes”?

Para quando a VERDADEIRA renegociação das PPP’s, SWAP’s SCUT’s e Rendas Energéticas bem como a devolução aos cofres do Estado dos milhões “emprestados” ao BPN?

De acordo com o Prof. Boaventura Santos, se considerados os cortes nestas áreas a poupança seria de cerca de 2 mil e cem milhões de Euros e já agora faça-me um favor ministro Poiares Maduro, não me diga que o Prof Boaventura Sousa não é conhecedor da realidade e demagogo.

Juízes do Tribunal Constitucional e Juízes, para quando os “inevitáveis cortes” nos vencimentos e subsídios de residência bem como a regularização dos tempos de serviço para obtenção da reforma?

Viaturas do Estado, de um total de largas centenas “cortaram” ½ dúzia!

Extraordinário esforço!

Campanha Eleitoral para as Autárquicas, 9,7 milhões, “inevitabilidade dos cortes”?
Fundações, como diz a nossa Gente, “tanta parra e pouca uva”,cortaram?
Quantas, aonde, quais , poupanças ?
O mesmo relativamente às “milhentas” Comissões, “inevitabilidade dos cortes”?
Vencimentos, mordomias e Regimes Especiais na TAP, ANA, CP, CGD, Metro, TV, etc, aonde está “inevitabilidade dos cortes”?
Parque Escolar?
Palestina?
SCUT’s?
IMI / edifícios pertença dos partidos políticos
Milhentas nomeações de assessores, especialistas e consultores?

Surpreende-me (para não dizer mais nada) a determinação do Governo na defesa da “inevitabilidade de cortes” nas pensões, será que o vai fazer às atribuídas ao Drº Jardim Gonçalves, juízes, deputados, etc? A Vossa determinação parece ter um só “alvo”, os fracos e sem voz, à minha mãe – 84 anos e numa cadeira de rodas, a Vossa determinação tirou 60 em 800 euros.

Ao ex-presidente Soares - 500.000 E (fora a Fundação) e Sampaio – 435.000 E (fora a Fundação Cidade Guimarães) - não se viu ou ouviu aplicar a “inevitabilidade de cortes”, serei eu que, nos meus quase 60, ando distraído.

Quando responsabiliza e prende, os governantes responsáveis pelos atropelos por esbanjar de dinheiros públicos ?

A “inevitabilidade dos cortes” justifica cortes na ajuda à saúde aos militares e funcionários públicos e mantém o nível de impostos às pessoas acima do taxado às empresas – Bancos e Companhias de Seguro com lucros inacreditáveis para um país em crise, aonde a “inevitabilidade” de ajustar impostos?

Os “inevitáveis cortes” ministro Poiares Maduro, cessam quando o Estado e o Governo de que faz parte, cortarem aonde TÊM que cortar e na minha opinião, deixarem de esbanjar dinheiro, de privilegiar uns à custa dos dinheiros de outros e de acabar com as excepções aos sacrifícios que, parece, não são suportados por todos por igual, até lá, não haverá “inevitáveis cortes” que suportem este estado de coisas. Porque não quero tornar estas linhas em assunto pessoal, não refiro os “inevitáveis cortes” que a minha pensão tem vindo a sofrer e que, por vontade Sua, vai ser alvo de mais “inevitáveis cortes”.

Até quando ministro Poiares Maduro os “inevitáveis cortes”, quando o rendimento disponível chegar a ZERO?


Ainda e longe de completar o rol:

1 - Victor Constâncio, actuação como Governador do Banco de Portugal e custos

2 - Madeira e as obras faraónicas do Governo

3 - Reformas de Luxo – o nº de reformados que ganhavam 4000 (ou mais) euros engordou cerca de 400%

4 - CP - de acordo com a folha salarial da CP, um inspector-chefe de tracção recebe 52,3 mil euros, há maquinistas com salários superiores a 40 mil euros e operadores de revisão e venda com remunerações que ultrapassam os 30 mil euros / ano.

5 – A lei de financiamento de campanhas - a recente decisão do Governo de aumentar os montantes dos ajustes directos permitidos a governantes e autarcas permite fuga aos impostos

6 – BdP – os privilégios e despesismo do Banco prolongam-se numa lista longa e ofensiva

7 – EDP – 800 viaturas para um total de 1800 funcionários com facturas anuais de combustível de 10 000 E

8 – Viaturas EP – em 63 EP há 224 carros para gestores que custaram ao Estado 6,4 milhões de euros – fora o resto!

9 – Os milhares de Euros em Ajustes Directos que põem em causa a "concorrência, a igualdade, a transparência e a boa gestão dos dinheiros públicos", pelo que podem "agravar o risco" de corrupção.

10 - Despesas de representação, Cartões de Crédito e telemóveis

11 – Projectos ruinosos tipo aeroporto de Beja

12 – Milhões injectados nas PPP’s e Banca Privada etc.

Muitos, muitos mais casos haveria para arrolar ministro Poiares Maduro que são do conhecimento de todos nós, aonde o esbanjar de dinheiros públicos se vê à vista desarmada e que, se combatido com a DETERMINAÇÃO dos portugueses que fizeram Portugal, talvez evitasse os “inevitáveis cortes” que a sua determinação entende serem necessários. É por causa de tudo que arrolei e o do muito que ficou por arrolar, que Membros do Governo são assobiados e apupados, nem todos os que assim procedem são comunistas.

Ministro Poiares Maduro, estou longe, MUITO LONGE, da política e políticos pelo que não tenho simpatia por políticos e filiação em NENHUMA força política. Filiei-me quando com 20 e poucos anos, jovem oficial - Jurei Bandeira – essa é a minha única Filiação pelo que tenho MUITA dificuldade em entender estas situações, bem como a “inevitabilidade dos cortes”, que considero profundamente injustos para a os portugueses.

Coisas de Soldado!

Cumprimenta

Coronel de Cavalaria Paulo Banazol

Partilhe este artigo

Post Anterior
Prev Post
Próximo Post
Next Post
57 Comentários Blogger
Comentários Facebook

57 comentários blogger

  1. Esta é uma historia que eu quero contar, e vou contar na 1ª pessoa para que não se considerem com o barrete, apesar deste lhes servir na perfeição.
    Em 24 de Abril de 1974, eu por ser um infeliz mal esclarecido politicamente, era adepto fervoroso da união nacional, amigo confesso das politicas do Salazar e de Caetano.
    No dia 25 de Abril de 1974 não saí de casa para ver onde as coisas iriam parar.
    Como isto deu a volta, passei a ser de esquerda, de preferência comunista (apesar de não saber o que isso seria, só sabia que comiam meninos ao pequeno almoço) ou de uma outra esquerda "Maoista" "Trotskista" ou qualquer outra "ista", até socialista.
    Lancei fogo à Igreja católica, e chamei-lhes de "Alienados". deixei de frequentar os lugares de culto e passei essa minha paixão para as sedes dos partidos políticos, e mudei varia vezes de opinião até acertar.
    Hoje passados 40 Anos volto a ser católico, "comunista" ou qualquer outro "ista" de preferência se me derem um lugarzinho numa cadeira onde não produza nada, de preferência com ar condicionado, e com esta formula de calculo do vencimento(PR x 0,40 PR x 0,40 x 0,30).
    Caros amigos esta historia é conhecida de todos os Portugueses, o final ainda ninguém sabe, mas que é vergonhosa é, temos de substituir estes políticos que não se deixam "prender" por pessoas que possamos acusar de criminosos.

    ResponderEliminar
  2. estou de total acordo meu coronel se todos os oficiais e generais se unissem para por mao nestes gatunos tudo era muito mais facil e de certo poderiamos viver muito melhor sem estes parasitas politicos que nao sabem o que é ser patriota.... eu fui páraquedista e fiz missao na bosnia em 96 daqui vai um grande abraço

    ResponderEliminar
  3. Temos umas Forças Armadas desnecessárias. São uma cambada de parasitas. Só falam no passado e agora? Treinam no Golfo e no Afeganistão. Têm a cobertura dos países com tropas que dão o corpo ao manifesto. Agora acaba-se a mama.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olhe meu caro, se nao fossem as FA isto era um estado satelite da URSS. Ou o nome Ramalho Eanes nao diz nada? Plos vistos nao porque deve ser um trotskista ou maoista fervoroso, ou ate quica, um anarquista.
      Antes de dizer bacoradas... PENSE!
      Um bem haja.

      Eliminar
    2. Francisco Oliveira15 junho, 2014 20:42

      Plenamente de acordo. Só anónimos conseguem dizer tanta asneira em tão pouco tempo. É pena, mas é o que temos...

      Eliminar
    3. Se nao sabe o que diz feche a boca pra nao entrar mosca. Desde quando è que as FA nao fazem falta. Se nao fossem os nossos militares ainda estavamos sob o jugo da opressao. Precisamos urgentemente de uma intervencao que pode ser militar ou nao, porque esta estado de coisas nao podem continuar por muito mais tempo. Tente aprender alguma coisa antes de dizer bacoradas e ja agora faca como eu de a cara, nao se esconda atras do anonimato. Passe bem

      Eliminar
    4. Mais uma besta que não sabe o que são e quem são os militares...

      Eliminar
  4. sR. CORONEL POR QUE ESPERA PARA ORGANIZAR UM NOVO 25 DE ABRIL!!!! ACHO QUE JÁ NÃO VAI SEM SER À FORÇA!!!! ESTES GATUNOS SÓ VÃO OLHAR PARA O POVO PORTUGUÊS COM OUTROS OLHOS, QUANDO LIMPAREM O CEBO A 2 OU 3 POLITICOS GATUNOS E CORRUPTOS.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo em absoluto! Desta vez não vai com cravos, é preciso limpar o cebo a meia dúzia destes gatunos, políticos, banqueiros e restante corja.

      Eliminar
  5. Em democracia,e nesta democracia só há um culpado,-P.República-

    ResponderEliminar
  6. Militares! São como os políticos. Também gozam e bem das " mordomias".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é bem assim.

      Eliminar
    2. não se preocupe sr "Anónimo12 de Novembro de 2013 às 22:52

      ", se isto tudo der para o torto, até o sr vai ser militar para gozar das "mordomias"...

      Eliminar
    3. Eu diria mais, se isto der para o torto e este anônimo do dia 12/11/2013 se identificasse, para ser homem, poderia vir a ser militar, porque ser militar, com as tais mordomias, que fala, uma delas é o sacrificio da própria vida, não é para qualquer um, é apenas para Homens de barba rija. Um abraço a todos os camaradas.

      Eliminar
  7. Acho muito bem tudo o que o Sr. Coronel denunciou, mas esqueceu-se de dizer, que em todos os ramos das forças armadas e militarizadas, tem oficiais em demasia, principalmente oficiais superiores. Para quê existir um quadro de militares tão alargado. para fazer o quê? Quando o país goza de plena segurança e não inspira outros cuidados senão os de preservar as instalações militares, se bem que algumas delas bem que podiam ser alienadas para ajudar o país neste momento tão difícil.
    O Sr. Coronel não tem culpa da actual situação do país assim como a maioria dos portugueses, no entanto permita-me que o informe, que se os portugueses estivessem todos bem situados economicamente como o senhor está, bem estaria o país, mas a realidade é que se esqueceu de referir o quanto aufere o Sr, Coronel e isso os Portugueses também precisam saber. Caso não queira divulgar tem todo o direito de o não fazer, mas é bem fácil chegar a esses dados, basta pesquisar até aqui na Internet.
    Boa noite a saudações militares, porque também sou militar na reforma, só não sou Coronel, bem que gostaria, não pelo posto, mas pela diferença de vencimento.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito se tem falado, na verdade, quase todos disseram algo de válido, a excepção do imbecil que disse que as FA não fazem falta e quanto ao camarada que gostava de ser coronel, primeiro tem que ter capacidades para tal, segundo todo e qualquer cidadão tem o direito de exigir contas ao governo. Eu pessoalmente penso que devemos tlmar medidas drásticas em relação a isso. Acredito que somos um povo bom e nao burro, mas com este tipo de governantes seremos sempre sacrificados. Eu até sou daqueles que nem me posso queixar muito nao resido em Portugal, mas custa ver os meus compatriotas a serem chacota do mundo e sacrificados por causa de alguns senhores que têm regalias a mais.

      Eliminar
    2. Muito se tem falado, na verdade, quase todos disseram algo de válido, a excepção do imbecil que disse que as FA não fazem falta e quanto ao camarada que gostava de ser coronel, primeiro tem que ter capacidades para tal, segundo todo e qualquer cidadão tem o direito de exigir contas ao governo. Eu pessoalmente penso que devemos tlmar medidas drásticas em relação a isso. Acredito que somos um povo bom e nao burro, mas com este tipo de governantes seremos sempre sacrificados. Eu até sou daqueles que nem me posso queixar muito nao resido em Portugal, mas custa ver os meus compatriotas a serem chacota do mundo e sacrificados por causa de alguns senhores que têm regalias a mais.

      Eliminar
  8. Na grande maioria, as afirmações proferidas pelo Srº. Coronel, penso que são verdadeiras. Mas por outro lado acho que deveria primeiro verificar os números e as fontes com que se baseou para afirmar que um Operador de Revisão e Venda da CP ganha 40 000 Euros anuais. Volto a repetir 40 mil euros anuais, um simples funcionário de um empresa pública cujo ordenado mensal são 700 Euros e que, com subsidio de refeição e trabalho extraordinário não consegue levar para casa no final do mês 1000 Euros, como é que num ano ganha 40 000????????? Só pode ser milagre... Quero que me sejam pagos os 28 000 que faltam. - Já sei, são para pagar ajudas de custo a um oficial, só pode!!!!

    ResponderEliminar
  9. Bem que gostaria de receber 3 330,00 €, até fazia um plano de reforma, para não ter que ficar dependente do Estado para quem desconto desde os 15 anos. Se calhar e estivesse numa força militar com 47 anos de idade e 35 anos de serviço já estava reformado e a viver à custa do referido Estado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro José Oliveira 47 anos de idade e 35 anos de serviço já na reforma, deve ter-se alistado aos 12 anos. Ainda tem de contar com 5 anos na reserva antes de passar à reforma...

      Eliminar
    2. O sr jose oliveira bem escusava de dar provas de tta ignorancia.cruzes canhoto irra q ia a dizrr de tta burrice...

      Eliminar
    3. Caro António Pinto, desculpe dizer-lhe mas, burrice a sua !! Sabe que basta fazer 2 ou 3 comissões de serviço no estrangeiro e o tempo conta a dobrar assim, se se alistar aos 18 anos quando tiver 47 já tem 29 anos de serviço, faz 3 comissões de 1 ano conta mais 6 o que quer dizer 29 + 6 = 35 anos de serviço. Fui claro ? Deixe de comer tanta fava e palha !! Cpts

      Eliminar
    4. Sabe muito bem fazer contas o Senhor ! Três Comissões de um ano cada dá aumento de três anos e não de seis.

      Eliminar
  10. Até que continuemos a atacar-nos e não foquemos que o problema comum a todos está no cimo do poder político, jamais conseguiremos fazer frente à corrupção que se instalou no poder, e que sob o nome de Democracia, dista em muito dos seus princípios...
    Sabemos que o povo vive e sobrevive em estratos que vão desde os que ainda conseguem viver até aos que já nem conseguem sobreviver... Isso teria de ser resolvido aos poucos uma vez que conseguíssemos demonstrar que num sistema democrático que detém o poder é o povo soberano e não o mandatário de turno que trata o seu povo, (aquele que o elegeu como representante) como arlequins úteis para chegar ao poder!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ...CONTRA OS CANHÕES, MARCHAR, MARCHAR!...

      Eliminar
  11. Não Sou anonimo nem quero ser comecei a trabalhar fora de casa com os meus 12 anos, trabalhei em armazéns Fabricas na agricultura na construção Civil até nas forças de Segurança, e por fim 30 anos na CP há coisa que eu estou de acordo com o Senhor Coronel, mas quando diz que um Inspetor Chefe de Tração recebe essa quantia num ano meteu os pés pelas mão uma afirmação Falsa, Para que saibam fui inspetor Chefe de Transportes vencimento igual aos inspetores chefes como esse senhor diz e que não há essa categoria na Tração são chefes de Deposito o vencimento é igual ao do Inspetor chefe de Transportes, e só quero dizer ao senhor coronel que quando me reformei, estava no topo da Carreira ou seja no ultimo índice de Vencimento e que o meu ordenado mensal era de 1270 euros o máximo que eu recebi anual foi de cerca de 27800 e tal euros, mas porque tinha isenção de horário e recebia mais 200 euros por mes, mas tinha dias de sair de casa as 8h da manha e chegar a casa as 22 e 23 horas e não ganhava mais por isso, costumo dizer e já o disse a um jornalista que pós no Jornal a mesma babuzeira, Esquece Muito a Quem não Sabe.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. não a outra salvação o matas ou mores a luta e justa a vitória e certa parar e morrer força gente não que tremer lutar por a sobre vivencia e o dever que temos para com Deus

      Eliminar
    2. E ja vsmos com um salario de mais de 2000 mes. Kkkkkk va la sr cruz nao diga mais nada ou ainda vamos ficar a ter q somar mais uns trocos...e estou com a calculadora a ficar sem carga.

      Eliminar
  12. Boa carta,mas da mesma forma que deveriam reduzir os deputados também o deveriam fazer nas forças armadas Nem os EUA têm tantos coronéis.

    ResponderEliminar
  13. Banazol e nome marcante e sinonimo de valentia e seriedade. O senhor deve ser filho ou parente proximo e pela sua carta vejo q nao desmerece do apelido q tem. Parabens. Psrabens independentemente de achar q sos seus reparos outros poderso ser sdicionsdos.e isso nso lhe compete a si mss a todos os portugueses sugados por esta corja de poios de ...

    ResponderEliminar
  14. Mas estou certo de uma coisa. Esta corja um dia vai csir de madura!

    ResponderEliminar
  15. Em tantos comentários percebi que todos nós estamos mal, os que recebem três mil € mês, e os que recebem duzentos e cinquenta € mês, eu descontei 36 anos e dão-me um rebuçado por ficar com uma incapacidade para o trabalho de 63% conheço muitos que nem 10 anos descontaram e recebem mais de quinhentos € mês digo e com muita raiva tenho nojo destes políticos oportunistas e corruptos.

    ResponderEliminar
  16. Coronel Banazol.Ainda hoje me sinto orgulhoso de ter tido, entre 1970/73, um Capitao que andava com os seus homens na guerra,(nao se acomodava no quartel), nos Dragões de Angola - 2º Esquadrão a Cavalo / Silva Porto/Munhango - G.Cav.1,esse Senhor é nem mais nem menos que seu irmão,hoje Cor. Luis Banazol. O seu desabafo nao me passa ao lado,nem ao de milhares de outros tantos Ex Combatentes,e nao só!.Nao me vou desdobrar em comentar o que me vai na alma.Pura e simplesmente atingi a saturação.Nao vejo onde está a tábua de salvaçao para sair-mos desta miseravel situaçao salvo se...as Forças Armadas quizerem! Correr com estes garotos do poder nao é tarefa dificil se todos deixarem de se acomodar ao "deixa ver o que isto vai dar".Com os meus 65 anos ainda me sinto com forças para ir à luta. As "manifes" nao passam de uma palhaçada manipulado pelos sindicatos. Gostei de ler o seu artigo.Receba um abraço com estima e consideraçao

    ResponderEliminar
  17. Partilho e concordo , mas com o devido respeito Sr Coronel Banazo Sou Maquinista em topo de carreira na CP e quando desejar estou ao seu dispor para que veja as minhas declarações de IRS dos ultimos 10 anos, e mais lhe digo que mesmo a trabalhar 6 folgas por mes impostas pela empresa , repousos fora de sede e serviço noturno , fica muito aquem dos valores que refere , nesse particular foi na conversa de pessoas mal intencionadas que durante algum tempo tentaram fazer crer que a Cp pagava salarios milionarios !
    Reafirmo ao dispor para lhe mostrar as minhas declarações de IRS dos ultimos 10 anos, um abraço amigo , e subscrevo as suas preocupações, mas repudiando os vaolores que refere no caso do salarios do pessoal circulante da CP!

    ResponderEliminar
  18. O Estado é corrupto porque o povo Compactua .
    A Volta deles a milhares de Pessoas a Lamberem as Botas .

    ResponderEliminar
  19. isto esta bonito ... quando um militar se queixa , porque todos sabemos que felizmente para eles, fazem parte do grupo de portugueses a quem os políticos irresponsáveis atribuíram rendimento pelo seu trabalho e regalias que o pais não tinha condições para dar
    os portugueses que trabalharam uma vida inteira, alguns deles de sol a sol, a quem entregam por mês 300 e alguns menos e tiveram que trabalhar ate aos 65 anos e outros que nem direito a um emprego tem o que podem dizer de tudo isto

    ResponderEliminar
  20. Que riqueza deu este sr. ao país? Tirando aquela voz de ;esq direito op 2!....Nada mais fez, vive á conta do erário publico, que eu saiba o posto de coronel não foi atribuido por grandes feitos em batalha.Tem toda a razão nas criticas que faz a estes parasitas ,mas esquece que também pertence ao sistema parasitário.Fui militar miliciano no tempo de guerra e nós eramos a carne para canhão nas provincias ultramarinas,enquanto os militares de carreira raramente saim para o mato,só ao nível de companhia.Como diria o Rei de Espanha!...porque não te calhas.

    ResponderEliminar
  21. Acho piada os que aqui vêm falar de regalias dos militares, sem conhecimento de causa ou conhecimento de todo. A acefalia é tremenda. Por acaso esquecem-se quem vos deu liberdade de expressão? Foi o povo, foi? Ingratos, escória, é o que vós sois. Foram eles, os MILITARES, quem derrubaram a ditadura, o povo ficou a olhar. Há militares a viver em garagens, ex-combatentes sem-abrigo, porque a Pátria que serviram os abandonou e sobretudo não os merece. Cambada de ignorantes, merecem esta classe política nojenta. Falem do que sabem, não do que vos contam.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando quiseres insultar insulta quem te fez as orelhas.Não penses que por seres militar te podes permitir o direito de insultar o Povo.Não te esqueças que a Patria é o teu povo que juraste defender.Quando insultas o teu povo trais o juramento que fizeste e não és mais que um vil traidor.Além disso não esqueças que quem te paga o teu ordenado é o Povo.Se não estàs satisfeito com o teu emprego sê um HOMEM DEMITE-TE

      Eliminar
  22. S.Lopes estou de acordo com todos os itens que o Sr Banazol explanou pois sendo também um militar do 25 de Abril custa muito ser espoliado por estes senhores que só procuram o seu bem pessoal. Bem haja dignissimo coronel

    ResponderEliminar
  23. Fui forçado a deixar a família e emigrar há 8 anos, e até hoje continuo a trabalhar no estrangeiro a fim de conseguir fazer face a tantos impostos que pago em Portugal.
    Apesar de estar longe, sempre que posso, acompanho as notícias do meu país e cada vez me sinto mais envergonhado de ser português! Também servi as Forças Armadas, também jurei-bandeira como o Sr. Coronel e sempre tive orgulho em ser português mas desde que me sinto roubado e massacrado por quem nada faz, passei a sentir vergonha de pertencer ao mesmo país que mantem estes Senhores cheios de regalias às nossas custas!
    Concordo com grande parte do conteúdo da carta do Sr. Coronel bem como com muito do que aqui foi dito em comentários mas continuo a não entender tal descontentamento pois sempre que há Eleições todos vão a correr votar a fim de encher os bolsos aos políticos.
    Como é do conhecimento geral, cada voto que o cidadão eleitor coloca nas urnas, custa ao OGE mais de €3,00 e somos nós contribuintes que pagamos tudo isso, e para não falar de quanto custa ao país cada campanha eleitoral porque o Sr. Coronel já o referiu.
    Pergunto eu: se estão descontentes, porque votam?
    Já repararam, caros compatriotas, que se ninguém acompanhar esses palhaços durante a campanha eleitoral nem for votar em nenhum destes palhaços armados em políticos que apenas se servem do país em vez de o servirem, esta palhaçada acaba de uma vez.
    Nos países mais desenvolvidos da Europa, um deputado aufere um salário igual a qualquer outro funcionário público e nem sequer tem direito a transporte do estado, cada um desloca-se para o trabalho pelos seus próprios meios, mas Portugal como país rico que é, para além de pagar salários milionários ainda dá transporte em carros de luxo.
    Só afetos ao Gabinete do 1º Ministro estão 31 viaturas de gama alta (luxo) e o Sr. PM dispõe de 10 Secretárias pessoais que auferem acima de €1.800,00 mensais cada.
    Nunca fui nem sou salazarista mas da forma que o país se encontra atualmente, preferia mil vezes que estivesse a ser governado por um Salazar, porque agora só tenho a mais a liberdade de expressão, mas na época dele o país criava riqueza e agora cria miséria!

    ResponderEliminar
  24. Como é que o povo Português pode acabar com esta roubalheira ,sinceramente não sei isto chegou a tal ponto que para resolver tudo isto ,tem de haver uma revolta do povo, caso contrario o povo esta condenado a miséria a pobreza estrema .E eles querem é isso para poder fazer do povo o que querem . Só uma revolução meus senhores.

    ResponderEliminar
  25. Perder tempo com rapazolas atoleimados?

    ResponderEliminar
  26. Vergonha nacional, e digo mais, roubo à descarada.

    ResponderEliminar
  27. Fernando Santos18 junho, 2014 12:49

    Camarada Coronel. Parabens pelo seu comentário e parabens pelo trabalho que teve a fazer pesquisas para conseguir estes dados.
    É uma pena a classe política não saber o que são bons exemplos, porque todos concordamos que é preciso arrumar a casa, mas arrumá-la com justiça e com os bons exemplos a virem de cima, como sempre foi na nossa organização.
    Fernando Santos

    ResponderEliminar
  28. Nada de novo baboseiras sem nexo...

    ResponderEliminar
  29. Quem é contra os militares, são uma cambada de ignorantes, desprezíveis que fazem tanta falta a este Portugal como a bosta que está no parlamento. Bala de borracha!!!

    ResponderEliminar
  30. Esta é para o sr anónimo, sabes críticar, vai tu fazer 3 comissões e depois diz alguma coisa, Seu grande filho da Puta ve se msm que és menino mimado que nasceu num berço de ouro...

    ResponderEliminar
  31. depois de estas realidades e verdades todas ainda não percebo como raio ainda nao ardeu o parlamento con todos seus" iluminados" deputados la dentro

    ResponderEliminar
  32. A politíca e os politícos:

    A política, como forma de atividade ou de práxis humana, está estreitamente ligada ao poder. O poder político é o poder do homem sobre outro homem, descartados outros exercícios de poder, sobre a natureza ou os animais, por exemplo. Poder que tem sido tradicionalmente definido como "consistente nos meios adequados à obtenção de qualquer vantagem" (Hobbes) ou, como "conjunto dos meios que permitem alcançar os efeitos desejados" (Russell).

    Para Aristóteles a distinção é baseada no interesse de quem se exerce o poder: o paterno se exerce pelo interesse dos filhos; o despótico, pelo interesse do senhor; o político, pelo interesse de quem governa e de quem é governado. Tratando-se das formas corretas de Governo. Nas demais, o característico é que o poder seja exercido em benefício dos governantes.

    Por isto mesmo venha quem vier nada mudará ou então ainda acreditam no Pai Natal.

    ResponderEliminar
  33. Privei com este senhor agora Coronel, na EPC Santarém, era então Tenente de Cavalaria e a sua conduta deixava muito a desejar, não deve ter mudado muito, temos pena.

    ResponderEliminar
  34. por toda esta conversa que li, uns com mais ou menos razão, dá-me a impressão que todos estão bem de vida.
    mas não deixam de ter razão nalguns pontos de vista, gostei do ponto de vista do coronel gostei de alguns outros comentário mas meus eu ganho 12 mil e poucos euros por ano o que teria de me queixar e outros que ganham muito menos que eu? por favor meus senhores a luta não está só nas palavras também está nos atos

    comprimentos a todos

    ResponderEliminar
  35. Gosta de quem diz que os militares são inúteis e não fazem nada e que estão agarrados ao passado! Este país também não precisa destes políticos, destes bota-abaixo desempregados, nem de gente com trabalhos remunerados a salário mínimo. Este país não precisa de ninguém. Está insuportável. E agora? Vamos todos para a net mandar uns bitaites... pode ser que resolva alguma coisa.

    ResponderEliminar
  36. SOU UM JOVEM POTUGUÊS... MAS INFELIZMENTE RECONHEÇO QUE É PRECISO MAIS AÇÃO QUE PALAVRAS. MUITO DEVEMOS AOS MILITARES E NELES NOS DEVEMOS APOIAR. VEJO PAIS PROFESSORES LONGE DOS FILHOS, VEJO PESSOAS SEM CUIDADOS DE SAÚDE POR NÃO TEREM POSSES VEJO AMIGOS COLEGAS E CONHECIDOS A IREM PARA O ESTRANGEIRO... QUE TRISTE PAÍS. JÁ DOMINÁMOS MEIO MUNDO, AGORA MEIO MUNDO DOMINA A NÓS...

    ResponderEliminar
  37. O obvio ê que os politicos s'o têm uma solucao....Como se fez em Franca aquiu a uns aninhos para tras....Lamina.

    ResponderEliminar
  38. É esta a ditosa Pátria minha amada!?!?!?!?!?!?!?!?
    Furriel Miliciano 04843073

    ResponderEliminar