Portugal Glorioso

Paulo Morais: Quem vai ganhar as eleições?

 ● 20/09/19 coment

Já ganhou! com maioria, absolutamente rentável




QUEM VAI GANHAR AS ELEIÇÕES?
Vencedor garantido será Xi Jiping, presidente da República Popular da China, que detém, entre outras, posições dominantes na EDP e na REN. Ganhe quem ganhar, Xi Jinping terá as mãos no poder, mesmo sem ter o poder nas mãos. Através da EDP, contrata políticos em todos os quadrantes: Luís Amado e Augusto Mateus do PS, Celeste Cardona do CDS, Eduardo Catroga e Braga de Macedo do PSD, integram o Conselho Geral da EDP. Seja qual for o resultado, a EDP tem garantida a influência sobre o Governo e o Parlamento. Já ganhou! Com maioria, absolutamente rentável.

Paulo de Morais

Ler mais

Já ganharam, com maioria, absolutamente rentável

 ● 19/09/19 coment

Paulo Morais: E quem ganhará afinal as eleições?




QUEM GANHARÁ AS ELEIÇÕES?
Vencedor garantido será António Mota. Ganhe quem ganhar, António Mota terá as mãos no poder, mesmo sem ter o poder nas mãos. Mota contrata políticos em todos os quadrantes: ao PS contratou Jorge Coelho ou Seixas da Costa; ao PSD e similares foi buscar Valente de Oliveira ou Duarte Lima; no CDS recrutou, entre outros, Paulo Portas ou Lobo Xavier. Usa-os como marionetes, para traficar influências e obter os melhores negócios de Estado, das parcerias público privadas à recolha de lixos, passando pelas obras públicas ou pelas concessões portuárias. Já ganhou, com maioria, absolutamente rentável.

E QUEM GANHARÁ afinal AS ELEIÇÕES?
Vencedora garantida será PAULA AMORIM. Ganhe quem ganhar, Paula Amorim terá as mãos no poder, mesmo sem ter o poder nas mãos. Paula Amorim contrata políticos em todos os quadrantes: Costa Pina do PS, Adolfo Mesquita Nunes do CDS, Luís Todo-Bom do PSD são administradores da GALP... e outros mais. Seja qual for o resultado, Paula Amorim tem garantida a influência sobre o Governo e o Parlamento, através dos seus "influencers" de serviço. Já ganhou, com maioria, absolutamente rentável.
Paulo de Morais

Ler mais

"Depois da tragédia, impunha-se rigor e respeito. O governo preferiu o marketing"

coment
As notícias em Julho já eram claras: golas inúteis, adjudicadas por um técnico de protecção civil que era padeiro, pelo dobro do preço...

Rui Rocha - @runroc | facebook.com/rui.rocha.908579

portugalglorioso
Cabrita mantém confiança em presidente da Protecção Civil
O ministro diz ainda que respeita a decisão tomada pelo presidente. Mourato Nunes não se demitiu mesmo depois de ter sido constituído arguido no âmbito da investigação ao negócio das golas antifumo. (observador)

Depois da tragédia, impunha-se rigor e respeito. O governo preferiu o marketing.
As notícias em Julho já eram claras: golas inúteis, adjudicadas por um técnico de protecção civil que era padeiro, pelo dobro do preço, a uma empresa turística do marido de uma autarca socialista que tinha sede num parque de campismo.

Na fuga em frente, o ministro Cabrita tentou o enxovalho dos jornalistas em vez de apurar responsabilidades. O primeiro-ministro vê as notícias e não exige responsabilidades ao ministro. O Presidente da República vê as notícias e não exige responsabilidades ao primeiro-ministro. Comentadores apressam-se a afirmar que polémica não dura dois dias. Vocês desculpem, mas isto é tudo gente que não presta.
Rui Rocha
Ler mais

Paulo Morais: Porque não falam disto nas campanhas eleitorais?

 ● 18/09/19 coment
Paulo Morais: CORRUPÇÃO NO URBANISMO é a pior das corrupções.

portugal glorioso
Jaime Resende comprou um conjunto de terrenos por quatro milhões de euros. Pouco tempo depois (dez minutos), vendeu-o por 20 milhões de euros. Os referidos terrenos são em Alfena, Valongo, e estavam classificados como Reserva Ecológica Nacional (REN). Foram adquiridos por Jaime Resende por 4 milhões de euros, segundo as escrituras a que o "Correio da Manhã" teve acesso.



CORRUPÇÃO NO URBANISMO é a pior das corrupções. Permite margens de lucro ilícito equivalentes às do tráfico de droga. Presidentes de Câmara e Vereadores do Urbanismo ficaram multimilionários nas últimas duas décadas, porque permitiram construção em zonas de reserva agrícola, reserva ecológica e até zonas de proibição absoluta de construção. Porque não falam disto nas campanhas eleitorais?

(na foto terreno em Valongo, Alfena, onde nada se podia construir. Mas, como o seu valor passou, em poucos minutos, de 4 Milhões para 20 milhões, já se pode construir. A Justiça continua à procura dos dezasseis milhões de diferença. Neste terreno está instalado o centro logístico do Pingo Doce; "sabe bem pagar tão pouco" pelos terrenos)
Paulo de Morais
Ler mais

«Miguel Frasquilho já pôs a TAP a dar prejuízo» Paulo Morais

 ● 17/09/19 coment
TAP com prejuízos de 120 milhões no primeiro semestre do ano
Quebra nas receitas com o Brasil e aumento de custos de pessoal na origem dos resultados negativos. Os prejuízos agravaram-se no primeiro semestre deste ano para 119,7 milhões de euros, face aos 90 milhões de euros negativos do período homólogo. (Lusa)



Miguel Frasquilho, enquanto deputado do PSD, foi vice-presidente da Comissão Parlamentar que sancionou (branqueou) o processo de privatização da EDP, então entregue aos chineses. Ao mesmo tempo, trabalhava no privado Grupo Espírito Santo, que assessorava os chineses no processo... de aquisição da EDP. Foi premiado com o cargo de Presidente do Instituto Público AICEP onde promoveu investimentos na China... do Grupo Espírito Santo. Sabe-se também que os seus familiares receberam dinheiro do "Saco Azul" do Grupo Espírito Santo. Foi acusado? Condenado? NÃO!

Com todo este currículo (cadastro), este social democrata foi nomeado, pelo actual governo socialista, chairman da TAP. Porque é "de confiança" (do PSD e do PS).
E já pôs a TAP a dar prejuízo!
Paulo de Morais
Ler mais

PPP Rodoviárias: Autores e cúmplices deste crime económico estão quedos e mudos

 ● 16/09/19 coment
Paulo Morais: As ruinosas PPP Rodoviárias: Um SILÊNCIO ENSURDECEDOR. Porque ninguém fala disto na campanha eleitoral?

portugal glorioso

PPP RODOVIÁRIAS: Um SILÊNCIO ENSURDECEDOR.

O Estado paga em 2019 pelas PARCERIAS PÚBLICO-PRIVADAS RODOVIÁRIAS 1 518 000 000 (mil quinhentos e dezoito milhões de euros) em rendas de PPP Rodoviárias, por um património que vale 337 milhões (valor de renda em função de valor calculado pelo Eurostat-UE). O pagamento reflecte um custo CINCO VEZES MAIS do que valem os activos.

Porque ninguém fala disto na campanha eleitoral? PS, PSD e CDS estão quedos e mudos porque são os autores deste crime económico (PPP rodoviárias). Enquanto o Partido Comunista e o Bloco de Esquerda ficaram subitamente silenciados e cúmplices.
Paulo de Morais

veja:
Perícia arrasa contratos das PPP Rodoviárias de Sócrates
Ler mais