«A banca perdoa às empresas e o Estado perdoa à banca» Joana Amaral - PG

«A banca perdoa às empresas e o Estado perdoa à banca» Joana Amaral

 ● 24/05/19
Joana Amaral Dias: "Já a nós ninguém perdoa coisa nenhuma e ninguém releva um cêntimo que seja"


Banca perdoa 116 milhões a milionário Pereira Coutinho
Pacto com bancos permite venda da SIVA à Porsche por valor simbólico de um euro.

A Banca aceitou perdoar, no mínimo, 116 milhões de euros em dívidas dos negócios no ramo automóvel do milionário João Pereira Coutinho. O montante pode chegar aos 370 milhões. Em causa estão o grupo SAG e a participada SIVA, responsável pela importação e venda de veículos do grupo Volkswagen em Portugal.

O acordo, anunciado ao mercado na terça-feira à noite, integra BCP, Novo Banco, BPI e Caixa Geral de Depósitos. Além do perdão de dívida, os bancos acordaram emitir garantias bancárias para que a distribuidora possa operar. Já deram entrada em tribunal dois processos especiais de revitalização para a SAG e para a SIVA, com o apoio dos bancos credores. (Correio da Manhã)

A banca perdoa às empresas e o Estado perdoa à banca. Já a nós ninguém perdoa coisa nenhuma e ninguém releva um cêntimo que seja. É urgente libertarmo-nos destes subsídiodependentes, destes parasitas infectos.
(Joana Amaral Dias)

Partilhe este artigo

Post Anterior
Prev Post
Post Seguinte
Next Post