Salgado esconde 138 obras de arte em armazém

Salgado esconde arte em armazém: PJ apreendeu quadros, estatuetas e gravuras.

Joana Amaral Dias: "Dez anos depois de começarem o salvamento aos bancos, 30 mil milhões de euros depois, em Portugal não há um único banqueiro preso"



Agora foi revelado que em Loures, Ricardo Salgado escondia uma colecção de arte, com 138 obras. Enfim, o Dono Disto Tudo tinha ali uma almofada, uma reserva para uma emergência.

Tudo bem revelador do fino recorte do seu carácter. Tanto que, em 2015, o espólio foi transportado para uma empresa de leilões. O objectivo era vender para impedir o seu eventual arresto, como aliás veio a acontecer.

O que ainda não veio a acontecer é detenção de Salgado. Nem dele nem de nenhum outro banqueiro. 10 anos depois de começarem o salvamento aos bancos, 30 mil milhões de euros volvidos, andam todos por aí todos soltinhos ao vento.

Este verão, como no passado, voltaremos a vê-los a gozar férias e liberdade, voltaremos a assistir ao pavoneio de Salgado pelos os melhores resorts do mundo. Nós pagamos.
(Joana Amaral Dias)

video edição: Pg.

0 comentários blogger

Com tecnologia do Blogger.