Controlinveste dívidas de milhões: «Arresto de bens, ou pagam os do costume?» Joana Amaral

Controlinveste deixa dívidas de milhões.



Joaquim Oliveira pede a insolvência da holding que deve 406 milhões ao BCP e 142 milhões ao Novo Banco. (Público)
O empresário Joaquim Oliveira apresentou em tribunal um pedido de insolvência da holding Controlinveste, que deverá culminar com a sua liquidação.

A entidade tem dívidas no valor de 548 M€ registadas no último balanço aprovado a 31 Janeiro, que se repartem pelo BCP (406 M€) e pelo Novo Banco (142 M€), de acordo com um documento sobre o processo de reestruturação acordado com os credores, a que o PÚBLICO teve acesso.

Alguém vai investigar a que propósito é que os Bancos emprestaram 800 MILHÕES de EUROS a Joaquim Oliveira? Como é possível esta relação de um grupo de Comunicação Social com a Banca? 
E agora? Arresto de bens? Ou pagam os mesmos do costume?!
Joana Amaral Dias, 2020 (FB).

Enviar um comentário

Com tecnologia do Blogger.